NOSSA HISTÓRIA

 

Família não é fácil... Mas é a melhor coisa já inventada...

 

A família Espeschit, no Brasil, é uma árvore só, com raízes que foram fincadas há mais de cinco gerações. A origem do nome é fiel à sua representação: Espenschied, etimologicamente, significa a madeira (de Álamo) que tremula. Mas ele se refere, na realidade, a uma pequena vila alemã, cujos habitantes, ao sair pelo mundo, resolveram gravar em seu nome a terra Natal. Até hoje, a cada dois anos, a vila se prepara para receber os Espenschied, em todas as suas variações – Espeschit, Spechit, Espechit -, que se espalharam pelos quatro cantos da Terra.

 

Em Betim, Osvaldo Nogueira Espeschit, e sua mulher, Celeste Rodrigues Espeschit, que se casaram em 1953, adquiriram uma chácara logo que começaram a nascer os filhos: Luci, Lucas e Ester, realizando um sonho antigo.

 

Para quem os conheceu, é fácil perceber que o patrimônio que construíram se tornou algo bem maior do que terra, tijolos e cimento. A prioridade foi fazer da chácara um local de convívio familiar, para passar os finais de semana reunidos. Com o nascimento dos netos, a chegada de noras, genros, primos e amigos muito especiais, os encontros se tornaram cada vez mais povoados e alegres.

 

A Chácara Espeschit já foi palco de inúmeras festas de aniversários, réveillon, casamento, e também das Bodas de Ouro do casal fundador, nas quais a presença de toda a família Espeschit e amigos é sempre garantida.

 

Osvaldo, já falecido, e Celeste, com 90 anos, entregaram à próxima geração os cuidados com a chácara.

 

O desafio é grande, mas os filhos se uniram em torno deste objetivo. Munidos dos exemplos que receberam de seus pais ao longo de suas vidas, entenderam que cuidar não é só pagar as despesas, mas, principalmente, manter vivos os encontros, as memórias, e os sonhos.

 

Este sentimento despertou nos irmãos (agora sócios) a coragem para tomar a decisão de revitalizar a chácara; de fazer grandes investimentos capazes de evidenciar toda a beleza do espaço e potencializar o seu uso, tanto pela família, como por aqueles que possam contribuir para a sua manutenção.

 

Por famílias, noivas e noivos que queiram um espaço para se encontrar, comemorar, celebrar.

 

Por empresas que se preocupam em oferecer a seus empregados um evento especial, como reconhecimento a seus esforços ou como meio de aperfeiçoar as suas capacidades.

 

Por entidades e coletivos que queiram vivenciar uma nova experiência de cunho social e/ou cultural.

 

É com esse espírito que abrem a Chácara Espeschit para outras famílias, outros amores, outros amigos, convidando-os a vivenciar nesse espaço os seus sonhos e os seus encontros.